Chá de camomila – Realmente é um calmante? Ajuda no sono? Qual a melhor forma de tomar?

Imagem ilustrando o chá de camomila
  • É um profissional de saúde? Veja nosso artigo cientifico completo.

O chá de camomila é conhecido principalmente pelo seu efeito calmante, sendo muito utilizado em quadros de insônia e de ansiedade. Porém, será que ele realmente funciona? Será que ele tem outros benefícios associados?

Para que serve o chá de camomila? Quais são seus efeitos?

Apesar de sua ação sedativa ser a mais “conhecida” a camomila exerce diversos efeitos no organismo, sendo benéfica em diversas outras ocasiões além do sono. Falando especificamente do chá, alguns efeitos são:

  • Ação sedativa (contribuindo para o sono e para a ansiedade)
  • Ação anti-inflamatória
  • Ação antiespasmódica

Atuando em alguns dos principais neurotransmissores responsáveis pela inibição do sistema nervoso central a camomila é capaz de aumentar a sonolência, melhorar a qualidade do sono, influenciando também na ansiedade, diminuindo-a.

Seu efeito antiespasmódico apresenta uma melhora significativa nas cólicas abdominais, e menstruais, auxiliando ainda em quadros de diarreia, gases, náuseas e vômitos.

Além disso, o chá de camomila apresenta uma importante ação anti-inflamatória, auxiliando em distúrbios gastrointestinais, em infecções respiratórias, além de atuar também em inflamações bucais.

Qual o melhor horário para tomar?

Não existe um horário especifico para se tomar o chá de camomila, pois depende do objetivo e da rotina de cada um.

Pensando no sono, é interessante que seu uso seja feito pelo menos 2H antes de dormir, visando dar tempo para que ele seja absorvido, e comece a fazer efeito.

Pensando no auxilio contra a ansiedade o mais interessante é que ele seja consumido ao longo do dia, em torno de 3x ao dia. Isso porque a ansiedade é uma “situação” que acontece ao longo do dia, então ela também deve ser combatida ao longo de todo o dia.

E pensando em suas características anti-inflamatórias e no auxilio da cólica, da dor e etc… seu uso pode ser feito de no horário você achar melhor.

Como preparar o chá?

O chá de camomila utiliza os capítulos florais como matéria prima, podendo ser utilizado tanto a erva como os sachês que são facilmente encontrados em supermercados.

Sua preparação é feita adicionando o sachê em água quente (5g) para 150mL de água. Podendo ser utilizado 2 sachês ou até mesmo associando outros chás como a erva-doce ou a erva cidreira na mesma preparação.

Obs: O ideal é que a água não ferva, e que você não adicione açúcar, mel ou outros…

Existe alguma contraindicação?

Não existe uma contraindicação, mas pessoas que já fazem uso de remédios sedativos devem se atentar para não terem efeitos colaterais, pois o chá pode potencializar o efeito do remédio.

E pessoas com deficiência de ferro, ou com problemas absortivos devem se atentar a não consumir o chá próximo as refeições principais, pois o tanino (uma substancia presente no chá) pode atrapalhar a absorção de alguns minerais como o ferro.

Revisão Técnica:

Imagem do responsável técnico pelo texto.

Pedro Miguel – Nutricionista; Membro ISAK.